conheça meus serviços de consultoria de estilo

Categoria: Lifestyle

Links da semana

Vamos relembrar mais uma tag sumida aqui do blog? Fiz o GC para dividir informação sobre tudo o que envolve meu mundo e que abre sorriso no meu rosto, mas também pra mostrar as descobertas que eu faço durante minhas visitas em sites super bacanas por aí. Por esse motivo, amo o “Links da semana” e nem sei porque fiquei tanto tempo sem postar nada aqui…

O de hoje está um pouco reflexivo, mas garanto que vale a pena a leitura!

Já pensou que o problema pode estar no seu foco?1 - Foto Meio Clara Abrahim

Carta aberta da Alicia Keys explicando a sua decisão de não usar mais maquiagemalicia-keys-in-common

Este link é mais uma descoberta minha que quero compartilhar com você. Já ouviu falar na banda The Avett Brothers? Vem comigo aquitheavett

Sobre o cérebro e sua tendência a destacar o que é ruim. E como mudar isso. 🙂elpais

Espero que tenha gostado! Me fala nos comentários o que você gostaria de ver aqui no blog?

Beijo :*

Desejos do dia

Nossa… Fazia um tempo que não postava essa tag por aqui, né? Estava dando uma conferida nos meus sites preferidos e me veio a ideia de fazer um post com as coisas que tenho desejado ultimamente. Não necessariamente são coisas materiais, como você já deve ter notado nos últimos posts de desejos do dia, mas engloba tudo do meu mundo. Tá curioso?

better

  1. Keep life simple“. Eu já passei por uma fase em que só era feliz se conseguisse tudo o que eu queria naquele momento, fossem roupas, objetos, sentimentos, pessoas. Confesso que já faz algum tempo que não tenho mais esse pensamento infantil, eu diria?! Mas nos últimos dois anos eu venho aprendendo sobre o que realmente importa. E o desejo entra aqui porque quero poder, cada vez mais, ter certeza do que importa pra mim, das coisas e pessoas que realmente fazem a diferença e que eu quero manter ao meu lado na vida. Topa fazer o mesmo?
  2. Cabelo. “Lá vai Gabi de novo querendo mudar o cabelo” SIM! Hahaha, quero muito, mas mais que isso, meu cabelinho está implorando um corte. Ele está sem vida, sem movimento e cheio de pontinhas duplas. O foco é esse, dar movimento, por isso a escolha da foto, mas vai que eu corto mais um pouquinho?! Hihi
  3. Bomber jacket. Ai gente, confesso que amo essa trendência, haha! Sou apaixonada por terceira peça e gosto de investir nelas, mas tem que ser de acordo com quem eu sou, meu estilo tem que estar estampando na peça, sabe? E eu confesso que fiquei apaixonada demais por essa da foto, só queria descobrir de onde é!
  4. Vidrinhos organizadores. Se você me conhece só um pouco, você sabe que: amo decoração, organização e vidros! Fui na Etna esta semana e endoidei na parte dos vidros, quero muito organizar minha cozinha e comidinhas assim, mas outchy, haja money!
  5. Piercings. Outra coisa que o money está me impedindo de fazer: piercings. Eu quero fazer todos de uma vez – amei essa composição da foto -, então fica meio salgadinho o valor, né? Apesar de ganhar desconto fazendo mais de dois, dá o dinheiro todo assim na lata, pesa! Mas esse eu sei que é só questão de tempo! 🙂

E você? Me conta o que andou desejando nesses últimos dias? Vamos conversar aqui! 😀

Beijo!!

5 dicas para ser um consumidor consciente

Quando a gente sabe quem a gente é e que imagem gostaríamos de transmitir às pessoas, já temos uma ideia de como isso pode ser colocado em prática. Isso é bem trabalhado logo no início da consultoria de estilo, porque pode ser bem confuso descobrir o nosso estilo e, mais ainda, quais ferramentas são necessárias para transmitir essa ideia. Mas quando isso está bem trabalhado na gente, fica bem mais fácil filtrar tudo o que entra em contato com nossos olhos e desejos.

As mídias digitais são maravilhosas, nós temos acesso a qualquer tipo de informação a alguns movimentos das mãos, mas isso pode ser prejudicial quando o assunto é consumo, porque algumas postagens podem influenciar desejos e sentimentos dentro da gente – nem sempre positivos e muitas vezes incoerentes.

O post de hoje é para falar sobre cinco dicas para ter mais consciência ambiental na hora de consumir. Vamos às dicas?

comprarmenos

Se analisarmos Natal/RN , é notório o hábito dos natalenses de ir aos Shoppings da cidade mais de uma, duas, até três vezes durante a semana. E essa rotina, querendo ou não, é um pouco tentadora para quem gosta de consumir (e quem não gosta, né? haha). Passar pelas vitrines, caminhar e enxergar peças que você acha que precisa ter são desafios bem difíceis de superar. Nosso cérebro consegue, muitas vezes, boicotar aquilo que acreditamos. Por isso, a primeira dica é mudar a rotina e procurar outras formas de lazer. A gente consegue achar muitos lugares bacanas pela cidade, basta procurar!

qualidade

Nossa, essa blusinha está R$15,90???” “Que barganha! Não posso deixar passar!” — Será mesmo? Antes de analisar a qualidade da peça, você tem que se perguntar se você realmente não pode deixar passar porque vai fazer toda a diferença no seu guarda-roupas ou se é só pelo fato de ela estar “baratinha”. Mas, o mais importante, ela vai durar? De que material ela é feita? É tecido natural ou sintético? Será que é confortável? Nessas ocasiões, muitas vezes, nem experimentamos a peça e descobrimos posteriormente que ela não veste tão bem assim e o tecido não é lá muito confortável.

manutenção

Cuidar das peças que a gente compra deveria ser algo primordial na nossa rotina, afinal, tiramos dinheiro do nosso orçamento para investir nas peças do nosso guarda-roupas, né? É um repeito à nós mesmos, mas também ao meio ambiente, porque dessa maneira o descarte também é reduzido. Quanto mais conhecimento temos sobre tecidos e sobre quais compõe nossas peças, mais cuidados específicos damos à elas e, dessa maneira, maior durabilidade nossas roupas terão. E, fala sério, nada melhor do que conseguir aumentar a vida útil das peças que amamos, não é?

estilo

Foca no seu estilo pessoal. Sempre. Isso com certeza vai ajudar ao seu guarda-roupas ser mais conciso e funcional e você não vai ter tanta vontade de consumir tudo o que vê por aí, porque você sabe exatamente quem você é e que imagem você quer transmitir.

mentalizar

A mente é nossa e nada mais justo que deter o poder sobre ela, certo? Certo! Mas não é tão simples, é trabalhoso e requer força de vontade e insistência. O que eu costumo falar sempre: mentaliza o que você acredita ou o que você quer acreditar sempre que vier um pensamento ruim ou boicotador. Ou seja, sempre que vier a vontade, o desejo de ter algo porque viu alguém usando ou porque alguém falou que é essencial pra você, mentaliza o que você quer, quem você é e faça perguntas sobre a necessidade daquele produto pra você.

Essas foram algumas das dicas que, se colocadas em prática, conseguirão fazer diferença na sua forma de consumir e, com certeza, trará muitos benefícios para você e para o meio ambiente.

"Não desista, as coisas boas levam tempo"

Formação em São Paulo: Consultoria de Estilo

Quem me acompanha pelo Instagram e Facebook viu que estive em São Paula há duas semanas… E o blog que já estava meio desatualizado ficou ainda mais. Mas tem motivo – muito incrível, posso dizer.

Sabe quando você sonha muito, muito, muito com uma coisa? Sonha tanto e por tanto tempo que acha que esse sonho nunca vai se materializar, mesmo que em partes e não completamente? Era assim que eu me sentia em relação ao meu sonho de trabalhar e estudar moda. Muito antes de pensar em escolher qualquer curso para fazer na faculdade, trabalhar com moda sempre foi o meu principal objetivo – mas por circunstâncias variáveis nunca foi possível. Até Fevereiro de 2016.

Fui para São Paulo fazer um curso (super) intensivo de formação em Consultoria de Estilo ministrado pela Cris e Fê do Oficina de Estilo. E, mesmo que percebendo que o trabalho não era diretamente com a moda, a metodologia é maravilhosa e apaixonante.

Mais do que moda, roupa, tendência, a pessoa é o mais importante em todo o processo. A cliente é o principal foco do trabalho da Consultoria de Estilo, porque é baseado quase que completamente em quem ela é e em quem ela gostaria de ser e, o melhor, totalmente não limitante. Não é porque você tem certo tipo de corpo que você não pode usar determinada peça. Você quer usar? Você pode! O que nós, Personal Stylists, fazemos é encontrar a melhor opção pra você!

beproudofwhoyouare
Sinta orgulho de quem você é <3

Você sabia que todo mundo tem estilo? Sim, todo mundo tem! Sabe por que? Porque quem tem referências do passado, rotina, preferências e personalidade, tem estilo. O que falta, às vezes, é saber como transmitir esse estilo ao se vestir. E esse é o papel da Personal Stylist. Descobrir o estilo da cliente e ajudá-la a transmitir isso no guarda-roupas.

O processo é lindo. O autoconhecimento e a autoestima da cliente são o foco da consultoria. O resultado que queremos chegar é que a cliente se enxergue com mais amor, com maior aceitação e que encontre, ao abrir o guarda-roupas, quem ela é. Quando ela aprende a se amar e a colocar suas preferências em primeiro lugar, ela não se preocupa mais com o que o outro vai achar dela nem muito menos como o outro quer que ela se pareça.  Não é maravilhoso?

O consumo consciente, saber como, onde e por que comprar. E ter como resultado um guarda-roupas preparado – que conversa entre si – são dois pontos muito importantes na metodologia da consultoria de estilo.

As razões para contratar uma consultora de estilo são infinitas, mas o resultado é incrível tanto para a consultora, quanto para a cliente. Se descobrir e aprender mais sobre quem a gente é, não tem preço, né? A autoestima não é importante apenas para a consultoria, mas para a  vida.

O trabalho é incrível e eu já estou atendendo a primeira cliente <3. Ainda vai ter muitos posts sobre isso aqui no GC, mas quem tiver interesse e quiser mais informações sobre o processo é só enviar um e-mail para contato@gabicarvalho.com

Quis fazer esse post para explicar a razão do blog ter ficado meio paradinho. Estava decidindo como algumas coisinhas iam acontecer por aqui, mas já está mais ou menos tudo encaminhado e logo mais vocês entenderão, tá?